Até agora você provavelmente não desconhece as tendências de treino de HIITs e a grande quantidade de benefícios que acompanham esse tipo de treino. Se você estiver interessado em tornar o HIIT uma parte integrante do seu treino, mas fica imaginando por onde começar, nós temos informações privilegiadas pra você! O especialista em produtos de alta intensidade da StairMaster, Jake Petersen, também conhecido como “HIIT Ninja”, conduz uma estrutura de turmas bem-sucedida incorporando uma variedade de protocolos de exercícios, com intervalos de trabalho/descanso. Veja o vídeo abaixo e comece a projetar sua aula de HIIT hoje!

#1 Intervalos Tradicionais de Trabalho/Repouso

(Há um tempo fixo de trabalho e um tempo fixo de descanso)

#2 Trabalho fixo

(Para todo o treino, há tarefas que precisam ser executadas e a pontuação do treinamento é o tempo total que os participantes levam para concluir as tarefas)

#3 Tempo fixo

(Os participantes recebem uma tempo fixo e sua pontuação é a quantidade de trabalho que eles podem concluir nesse período de tempo)

#4 Cada minuto em um minuto

(Uma variação de trabalho/descanso, mas dedicando um minuto a tarefas específicas para todo o treino)

Exemplo de intervalos de trabalho/descanso:

Esta é uma estrutura de treino de estilo HIIT mais tradicional. Você tem um tempo fixo para trabalhar e uma quantidade fixa de tempo para descansar. O tempo pode ser variado, mas um bom exemplo para usar é o Tabata tradicional.

Um Tabata varia de 20 segundos de trabalho seguidos com 10 segundos de descanso e são 8 rodadas. Portanto, o treino total é de 4 minutos. Nossa recomendação é estruturar a maior parte do HIIT em cerca de 20 minutos de duração, por isso, uma maneira de conseguir isso é oferecer uma Tabata com um exercício específico, fazer com que os participantes descansem por 3-4 minutos, seguidos por outro Tabata.

No Tabata, os intervalos de descanso são muito pequenos em comparação com os intervalos de trabalho e muitas academias que oferecem os exercícios tradicionais do HIIT instruirão uma proporção de trabalho/descanso de 1: 1. Estudos mostram que, para obter o melhor benefício de recuperação, é melhor oferecer uma proporção de trabalho/descanso de 1:3. Então você pode oferecer um Tabata prara fazer com que os participantes construam seu período de descanso e depois fazer outro Tabata.

Outro exemplo de um intervalo de trabalho/descanso poderia ser 1 min de treino, 2-3 min de descanso. Os participantes poderiam fazer um simulado HIITMill por 1 min e então descansar por 2-3 mins. Isso pode ser configurado com equipes diferentes para que duas pessoas estejam descansando enquanto a outra pessoa está treinando. Você também pode configurá-lo para que os outros participantes da equipe façam o que chamamos de “recuperação ativa”, que usamos como andar no HIITMill ou uma tarefa leve que manterá os em movimento, mas não aumenta sua frequência enquanto eles passam por estas atividades de recuperação.

Esperamos que essas dicas ajudem você a fornecer mais variedade em seu próximo exercício HIIT. Baseamos nosso programa StairMaster HIIT em ciência, simples e fácil de ser feito, que considera a quantidade de equipamentos disponíveis na instalação, a base de associados (quantas pessoas estarão lá), opções de escala para os diferentes exercícios. diferentes protocolos de treino (como descrito acima) e instruções sobre os diferentes exercícios e como realizá-los adequadamente. Nós revisamos todos os movimentos diferentes que estão disponíveis no HIITMill / HIITMill X, e como o BoxMaster, AirFit e AirFit UB podem ser incluídos para entregar um treino infernal.

Procurando por mais informações sobre programa HIIT e como incorporá-lo em sua academia? Entre em contato com um de nossos especialistas da HIIT hoje!

Host A HIIT Training